Inicial / Notícias / Lula e Dmitri assinam em Moscou
amplo programa de cooperação

Lula e Dmitri assinam em Moscou
amplo programa de cooperação

Print Friendly, PDF & Email

Em solenidade realizada em Moscou no último dia 14 de maio, quando da visita do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o presidente brasileiro e Dmitri Medvedev, presidente da Rússia, assinaram o documento que viabiliza a execução do Programa de Cooperação Científico-Tecnológica para o período de 2010 a 2012.

O Programa foi preparado conforme a decisão da V Reunião da Comissão Intergovernamental Brasil-Rússia para a Cooperação Econômica, Comercial, Técnica e Científica, realizada em 17 e 18 de novembro de 2008, em Brasília. Do objetivo constam interesses e prioridades de ambas as partes nas áreas científica, tecnológica e de inovação.

Brasil e Rússia querem ampliar e intensificar a cooperação no desenvolvimento e implementação de novas tecnologias, na realização de pesquisas científicas e na formação de profissionais em ciência. O Programa inclui 29 (vinte e nove) projetos de cooperação.

Reuniões periódicas com representantes dos dois países avaliarão os resultados do trabalho. O plano de ação da parceria estratégica bilateral enfatiza as seguintes áreas: I – Diálogo Político; II – Cooperação na Área de Ciência e Tecnologia; III – Cooperação na Área Espacial; IV – Cooperação na Área Técnico-Militar; V – Cooperação na Área da Energia; VI – Cooperação na Área Econômica e Comercial; VII – Cooperação na Área da Agricultura; VIII – Cooperação na Área da Cultura, da Educação e do Esporte; IX – Cooperação na Área da Saúde.

Este Programa inclui 29 (vinte e nove) projetos de cooperação que terão avaliação periódica dos resultados, em reuniões com representantes dos dois países. Participarão dos projetos os seguintes órgãos governamentais e instituições:

Informação Científico-Tecnológica:

Instituto Nacional de Informação Científica e Tecnológica da Academia de Ciências da Rússia e Centro de Informação Técnico-científica da Federação da Rússia;

Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia (IBICT).

Metrologia:

Agência Federal de Regulamentação Técnica e de Metrologia;

Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial – INMETRO

Biologia: Utilização de métodos fluorescentes modernos para biomonitoramento ecológico de organismos de fitoplâncton em águas abertas do Brasil.

Universidade Estatal de Moscou Lomonosov;

Sociedade Brasileira de Biofísica (SBBf).

Matemática: Ondas de combustão em meios porosos.

Instituto de Mecânica da Universidade Estatal de Moscou Lomonosov,
Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada (IMPA)

Nanotecnologia: Elaboração de ligas nanoestruturadas de titanio para implantes e equipamentos médicos.

Instituto de Física de Materiais Avançados da Universidade Estatal Técnica de Aviação (Ufa);

Instituto de Metalurgia e Materiais A. A. Baykov da Academia de Ciências da Rússia;

Associação Brasileira da Indústria de Artigos e Equipamentos Médicos, Odontológicos, Hospitalares e de Laboratórios (ABIMO);

INMETRO;

Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ);

Instituto Militar de Engenharia – Laboratório de Biomateriais.

Nanotecnologia:

Materiais Nanoestruturados: aspectos científicos básicos e técnicos e aplicações.

Universidade Estatal de Moscou Lomonosov;

Universidade Federal do Estado de Pernambuco (UFPE)

INMETRO.

Elaboração de policristais sintéticos à base de diamante e nitreto de boro cúbico, modificados com adições em nano-dispersão:

Instituto Estatal de Aço e Ligas (Moscou)

Laboratório de Processos de Altas Temperaturas, Materiais e Diamantes,

Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) – Instituto de Física.

Estudo de efeitos e superfícies de separação e características físico-mecânicas de nanomateriais:

Instituto de Problemas de Química Física (Chernogolovka) da Academia de Ciências da Rússia;

Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) – Instituto de Física.

Nanomateriais de volume com três modos:

1) consolidação de nano-pó;

2) nano-cristalização de materiais amorfos de volume;

3) deformação plástica intensiva.

Instituto de Física de Materiais Avançados da Universidade Estatal Técnica de Aviação (Ufa);

Instituto de Metalurgia e Materiais A.A.Baykov da Academia de Ciências da Rússia;

Universidade Estadual de Maringá;

Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR);

Laboratório de Metais Amorfos e Nanocristalinos,

Magnetorresistência Gigante de Injeção;

Universidade Politécnico de São Petersburgo;

Centro de Pesquisas Avançadas Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS).

Transições de fase de materiais induzidas por choque.
Propriedades termodinâmicas de materiais a altas pressões e temperaturas; Propriedades mecânicas de materiais sob grande tensão aplicada:

Instituto de Física de Altas Pressões da Academia de Ciências da Rússia;

Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) – Instituto de Física.

Nanotecnologia
Modificação de propriedades de poliolefinas (polipropileno) pela incorporação de nanotubos de carbono; Desenvolvimento decompósitos polipropileno-nanotubos de carbono; Síntese de novos nanocompósitos avançados de polímeros.

Instituto de Química Física N.N.Semenov da Academia de Ciências da Rússia;
Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) – Escola de Engenharia e
Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)– Instituto de Física

Meio Ambiente

Análise dos efeitos do clima nas características da matéria orgânica e substâncias úmidas do solo.

Universidade Estatal de São Petersburgo;

Faculdade de Biologia e Solo

EMBRAPA

Biotecnologia

Biotecnologia para produção de biogás e energia a partir de resíduos da agroindústria.

Instituto de Microbiologia da Academia de Ciências da Rússia
EMBRAPA

Desenvolvimento de marcadores moleculares associados à qualidade de carne bovina.

Instituto de Pesquisa Genética e Criação de Animais da Academia de Ciências Agrícolas da Rússia (São-Petersburgo-Puchkin)

EMBRAPA
Sistemas geoinformáticos para optimização do uso de fertilizantes minerais em agricultura.

Universidade Estatal de Moscou Lomonosov

EMBRAPA Centro Nacional de Pesquisa de Solos

Tecnologia de Produção de Alimentos – Carne Suína
Instituto de Pesquisa da Indústria de Carnes da Academia de Ciências Agrícolas da Rússia

EMBRAPA

Saúde

Influência de venenos de cobras, aranhas, escorpiões e outros animais peçonhentos sobre o sistema nervoso periférico.
Instituto de Química Bio-orgânica N.N.Shemyakin-I.A.Ovchinnikov

Instituto Butantan
Rede de Cooperação Tecnológica HIV/AIDS – Construção de 3 painéis – sorológico, imunológico e de genotipagem.

Instituto de Química Bio-orgânica N.N.Shemyakin-I.A.Ovchinnikov

Instituto Butantan

Controle Neuro-Endócrino do Desenvolvimento de Triatomídeos

Universidade de Amizade dos Povos (Moscou)

Instituto de Pesquisa de Desinfectologia

Fundação Oswaldo Cruz (FIOCRUZ)

Espécies de Eugenia murtaceae como Agentes Antidiabéticos Naturais

Universidade de Amizade dos Povos (Moscou)

Universidade Estatal Instituto de Pesquisa de Plantas Medicinais e Aromáticas
Fundação Oswaldo Cruz (FIOCRUZ)
Pesquisa de Agentes Naturais para Tratamento de Tuberculose
Universidade de Amizade dos Povos (Moscou)

Instituto de Pesquisa de Epidemiologia e Microbiologia (Vladivostok) da Academia de Ciências da Rússia

Fundação Oswaldo Cruz (FIOCRUZ)

Física

Estabilidade e oscilações de sistemas mecânicos não-lineares

Instituto de Mecânica da Universidade Estatal de Moscou Lomonosov

Universidade Estadual Paulista (UNESP)

Pesquisa de interações hiperfinas em intermetálicos por correlações angulares de gama-quantos

Instituto de Pesquisa de Física Nuclear da Universidade Estatal de Moscou Lomonosov

Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas (CBPF)

Física
Pesquisas dinâmicas dos satélites naturais do sistema solar.

Instituto de Astronomia Aplicada da Academia de Ciências da Rússia
Observatório Nacional

Energia escura, matéria escura, e objetos compactos de alta densidade no Universo: modelos multidimensionais de gravitação, cosmologia e evidências astronômicas.

Centro de Gravitação e Metrologia Fundamental (VNIIMS)

Instituto de Gravitação e Cosmologia da Universidade de Amizade dos Povos (Moscou)

Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas (CBPF)

Desenvolvimento da teoria das interações fundamentais com possibilidade de verificação na física de partículas elementares e na cosmologia

Universidade Pedagógica Estatal de Tomsk

Universidade Estadual de Londrina – Departamento de Física
Tecnologias da Informação e das Comunicações (TICs)
Segurança da Informação

Centro Internacional de Informática e Eletrônica
Parque Tecnológico Capital Digital (Governo do Distrito Federal) e Núcleo de Tecnologia da Informação (NTI) da Universidade de Brasília (UnB)

Desenvolvimento dos algoritmos e redes neurais e computadores neurais para as áreas de alta tecnologia, ciência e medicina.

Centro Internacional de Informática e Eletrônica

Universidade Federal do Rio de Janeiro

Núcleo de Atendimento de Computação de Alto Desempenho (NACAD-COPPE/UFRJ)

Carlos Eduardo Behrensdorf, da Agência Texto Final