Inicial / Matérias Especiais / Mais energia limpa e renovável para o Distrito Federal com a criação da PO Energy
PauloOctávio, governador em exercício Paco Brito e o presidente da PO Energy, Felipe Octavio Kubitschek Pereira, comemoram

Mais energia limpa e renovável para o Distrito Federal com a criação da PO Energy

Print Friendly, PDF & Email

Cada vez mais o mundo busca alternativas de energias que não prejudiquem o meio ambiente, com a utilização de programas de responsabilidade ambiental do século XXI, gerando energia limpa e renovável. O presidente da nova empresa, inaugurada no sábado, em São Sebastião, Felipe Octavio Kubitschek Pereira, enfatiza que a PO Energy, se insere na defesa de uma melhor qualidade de vida à população investindo em energias renováveis e de matriz limpa. O executivo comemora o lançamento da nova empresa do grupo Paulo Octávio, uma organização que só investe, em várias áreas da economia no Distrito Federal. Três gerações da família presentes na solenidade, como registrou o governador, em exercício, Pacto Brito.

Perguntei à dona Wilma Pereira, mãe do empresário Paulo Octávio, como ela via, mais esse desafio do grupo, agora na área de energia solar. Resposta: “ Eu penso o seguinte. O que eles se propõem a fazer eles fazem e fazem bem. É uma alegria não só para mim, mas para todos nós”. Paulo Octávio, é um dos benfeitores de Brasília. Ele está sempre pensando em Brasília, procurando resolver problemas.  E ele resolve”.

Sol de Brasília

Energia renovável e de matriz limpa

Na abertura do evento, o presidente Felipe Octávio afirmou que “ a ideia desse projeto veio avaliando o lindo sol de Brasília. “ Eu sempre achei fantástica a ideia de poder captar energia vinda do sol, de captar o sol; é uma coisa diferente, aproveitando o sol de Brasília. Isso foi fundamental, foi o diferencial. Porque não? Vamos fazer isso. E fazer isso de uma forma limpa também, gerando energia limpa”.

Estudo da UnB

Felipe Octavio

“A ideia de fazer essa usina veio a algum tempo, afirmou Felipe Octavio, explicando que “a primeira vez que eu pensei no assunto foi através de uma coluna que eu li na Isto é, de um estudo que estava na UnB, que falava que Brasília tinha um imenso potencial. “Pô, massa, fazer uma renda vinda do sol assim, na sua casa, legal, avaliou o jovem presidente da PO Energy, esclarecendo que tudo isso ocorreu há muito tempo  e as placas eram caras e era uma ideia muito futurística”. Felipe Octávio, contou que não desistiu, passou o tempo e conversou com o diretor do grupo, o Dr. Fernando, que “embarcou comigo nessa jornada e fomos sondar aí algumas empresas, estudando o negócio, e era tipo uma conversa ainda meio no vaga”.  A gente não tinha muito assunto, lembrou o presidente da PO Energy, acrescentando que o projeto ficou dois anos parado. “A gente ficou só olhando de longe. E a oportunidade surgiu de novo com uma empresa de fora, vieram uns americanos aqui conversar com a gente, eles falaram; vamos fazer o negócio. A gente pensou, e está bom, vamos fazer uma parceria. ”

A Parte mais difícil

Por uma série de questões desistimos de fazer o negócio com os americanos e resolvermos tocar nós mesmo o novo empreendimento, assinalou Felipe Octávio enfatizando que “aí veio a parte mais difícil. Convencer o pai (Paulo Octávio) liberar o dinheiro. Contou, de forma carinhosa em meio a concordância dos presentes que “alguns sabem aqui que o pai, para liberar dinheiro, é uma coisa complicada, mas depois de muita conversa, muita apresentação, de dados do mercado, a gente conseguiu convence-lo a liberar um pouco. ” Agradeceu o incentivo da mãe Ana Cristina sempre incentivando a continuidade do projeto.

O fundador do grupo Paulo Octávio

Após a rápida apresentação, Felipe Octávio, passou a palavra para o fundador, “aquele que começou toda esta história”, Paulo Otávio que chamou a pastora presente para uma oração. “Bom dia! A palavra do senhor, a Bíblia, ela diz que o homem pode fazer projetos, mas quem executa é o senhor. E Deus tem abençoado esses homens de Deus, que é o Paulo Otávio, o Felipe; porque tomaram a decisão de fazer tudo na direção do senhor.

Oração: Deus amado, nesta manhã queremos abençoar este local, consagrar ao senhor, e que haja prosperidade, abençoa cada um que aqui se encontra e derrame bênçãos sem medida sobre este lugar. Em nome de Jesus. Amém!

Paulo Octávio deu continuidade à solenidade e, chamou o presidente da nova empresa, seu filho Felipe para ficar a seu lado. Chamou também sua mãe, dona Wilma Pereira, a esposa, Ana Cristina seus filhos André Octavio e Paulo Octavio, a irmã Claudia Pereira  além das  autoridades presentes para ficaram próximas do microfone. Destacou a parceria da CEB, agradecendo a presença na inauguração, de seu presidente, Edison Garcia.

Três gerações no sucesso da Paulo Octávio

Claudia Pereira, Paulo Octávio e dona Wilma

O governador em exercício, Paco Brito, chamou atenção para a presença no evento de três gerações da família de Paulo Octavio destacando a presença da mãe, dona Wilma. Acentuou a importância do empreendimento, um investimento em energia limpa, uma energia que todos precisam, e não só para Brasília, isso é um investimento para o Brasil. Disse que a PO Energy está muito bem representada. “Eu acredito que seja a primeira de uma série do grupo Paulo Octávio, que investe em Brasília, no Distrito Federal”.

Para Paco Brito, “os benefícios para a cidade são enormes, é uma energia limpa consumida pelos próprios usuários da cidade, vendida para eles diretamente para eles através de compensação de contas, é uma coisa muito boa para o Distrito Federal e para a população”.

Grandes Transformações

A PO Energy chega ao mercado em um momento de grandes transformações globais. “Chegamos para atender duas demandas importantes: a de geração de energia limpa e as novas tecnologias. Ela é o pontapé inicial desta arrancada para o futuro”, diz Felipe Octavio. O executivo e idealizador da nova empresa do grupo que teve o apoio decisivo de sua mãe, Ana Cristina, destacou o imenso potencial solar, um céu digno de admiração, por sua beleza, em Brasília. Agora é possível imaginar esse nosso céu maravilhoso gerando energia”, completa. O novo braço das Organizações Paulo Octavio vai gerar 3mw em sua usina.

Investimento Ambiental

A PO Energy inaugurou o sétimo ramo de atuação das Organizações Paulo Octavio – ao lado de hotelaria, concessionárias de automóvel, seguros, shopping centers, comunicação e construção civil/imobiliária. Implantada em uma região de elevada irradiação, de acordo com o Atlas Solari métrico do Brasil, será um dos maiores investimentos ambientais em Brasília nos próximos anos.

Parceria para mais eficiência

Inicialmente, a PO Energy vai gerar energia para consumo próprio, agregando mais eficiência a seus empreendimentos. Mas outros clientes poderão ser usufruir futuramente de sua produção, além de haver a possibilidade de se estabelecerem acordos com outros segmentos econômicos. “A PO Energy buscará parcerias com empresas terceiras para continuar sua busca de uma cidade mais limpa e energeticamente mais eficiente”, avalia Felipe Octavio Kubitschek.

Energia fotovoltaica reduz o impacto produzido pelas energias combustíveis

Consultor Alexandre de Freitas, com Fernando Sabino e Marcio, da Strom, energias renováveis e Luiz Fernando Domênico, Diretor da Paulo Octávio Imobiliária.

O consultor, Alexandre de Freitas, especialista em cidades inteligentes, Smart Cities, explica que “ a fotovoltaica é uma energia corretamente sustentável, benéfica para o meio ambiente e que reduz o impacto produzido pelas energias combustíveis, como a hidrelétrica, as energias de usinas de carvão e até mesmo as usinas radioativas”. Segundo o especialista, é um novo modelo de absorção e rentabilidade provindo do sol, um direito de todos utilizarem, ela é muito utilizada em países de primeiro mundo. Países glaciais, como por exemplo, a Noruega, já instalam suas usinas para captar e armazenar essas energias. O Brasil possui uma grande capacidade de produção de energia fotovoltaica. Contudo, os investimentos, em termos de Brasil, ainda são baixos. Por isso, um investimento dessa envergadura, no Distrito Federal, representa um grande passo para a matriz energética do DF, preparando-o para os desafios do futuro.

Para Alexandre de Freitas, “nós cada vez mais precisamos encontrar formas de solucionar o problema do consumo da energia sem degradar o meio ambiente. E as usinas fotovoltaicas são uma alternativa eficiente com um custo benefício e um retorno alto, tanto para o meio ambiente quanto para os investidores”. Para Alexandre, “o presidente Felipe Kubitschek Pereira, com seu pioneirismo, está no caminho certo na busca de soluções para cidades do futuro e o Distrito Federal colherá esses benefícios”.

Adail Ribeiro, especialista em maquetes  levou o filho também Adail para conhecer a usina,  que pediu ao pai para tirar uma foto com Paulo Octávio. Agradeceu entusiasmado.

Entre as autoridades que prestigiaram o lançamento da PO Energy estava o governador, em exercício, Paco Brito, o presidente da CEB, representante da Fibra, José Edmilson Barros de Oliveira, representante da Sinduscom, Nilo Siqueira, entre outras autoridades.

Blog Edgar Lisboa

 

 

 

 

 

2 Comentários

  1. REPORTER BRASILIA
    COM EDGAR LISBOA
    SIGA E SE INFORME
    É NOTA 10

  2. A REPORTAGEM DO DR. EDGAR LISBOA
    TRAZ A INFORMAÇÃO PRECISA E EFICAZ
    DOS ACONTECIMENTOS EM PRIMEIRA MÃO.
    PARABÉNS PELO PROFISSIONALISMO