Inicial / Notícias / Microempreendedor Individual já pode ser contratado no Distrito Federal
Microempreendedor Individual já pode ser contratado no DF - Blog Edgar Lisboa. Foto: Arquivo/Agência Brasília

Microempreendedor Individual já pode ser contratado no Distrito Federal

Print Friendly, PDF & Email

Secretaria de Desenvolvimento Econômico divulga lista com os profissionais que ganharam CNPJ e vão prestar serviço de manutenção das escolas

A Secretaria de Desenvolvimento Econômico divulgou na sexta-feira (29/11) em seu portal a lista atualizada de profissionais habilitados a participar do programa Pequenos Reparos nas escolas. Chaveiros, eletricistas, pedreiros, jardineiros, serralheiros, bombeiros hidráulicos, técnicos em eletrônica e técnicos em informática foram transformados em Microempreendedor Individual (MEI), receberam número de CNPJ e já podem ser contratados para realizar a manutenção nas 750 unidades de ensino.

Nas próximas semanas os diretores das escolas vão identificar as necessidades de manutenção destas unidades, solicitar três orçamentos entre os microempreendedores da lista e contratar a melhor proposta. Depois de chamados por ordem cronológica do credenciamento, os profissionais terão até três dias para comparecer à escola e apresentar o orçamento do serviço demandado. O pagamento será feito por diárias ou hora técnica trabalhada definida pela Companhia de Planejamento do DF (Codeplan) em até cinco dias após a conclusão do serviço. Confira a tabela.

“Vencerá aquele que apresentar a proposta mais vantajosa para a escola. Os demais voltam para o início da lista para aguardar o próximo reparo ofertado”, explica o coordenador de articulação com o setor produtivo da SDE, Allex Moraes. Quem não for escolhido para um serviço continuará na lista e apto para ser chamado para outros trabalhos dentro da sua especialidade.

Concluído o pequeno reparo, o serviço será avaliado pela diretoria da escola e o profissional deve receber nota igual ou superior a 80 para permanecer credenciado no programa. Se a nota for abaixo deste nível, o profissional passará por uma capacitação antes de retornar ao banco de MEIs.

O credenciamento dos profissionais continuará aberto pelo tempo que o programa permanecer e pode ser feito, gratuitamente, na unidade do Simplifica PJ, na QI 19, lote 28/32, setor Industrial de Taguatinga, nas Salas do Empreendedor das 33 administrações regionais e nas Agências do Trabalhador.

Blog Edgar Lisboa, *Com informações da Secretaria de Desenvolvimento Econômico

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *