14 de novembro de 2017
Inicial / Notícias / Número de mortes registradas no Brasil entre 2006 e 2016 aumentou 24,7%
Número de mortes registradas no Brasil entre 2006 e 2016 aumentou 24,7% - Blog Edgar Lisboa. Foto: Reprodução

Número de mortes registradas no Brasil entre 2006 e 2016 aumentou 24,7%

Print Friendly, PDF & Email

O número de mortes registradas no Brasil entre 2006 e 2016 aumentou em 24,7%. Em 2006, foram contabilizadas 1.019.393 mortes e, no ano passado, 1.270.898. A pesquisa apurou que houve uma redução expressiva da mortalidade até os 14 anos, e aumento nas idades mais avançadas, em especial acima dos 50 anos, o que reflete o envelhecimento populacional.

Os dados constam da pesquisa Estatísticas do Registro Civil 2016 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), que foi divulgada nesta terça-feira (14).

Nascimentos têm queda (-5,1%) em relação a 2015

Em 2016, ocorreram e foram registrados 2.793.935 nascimentos no Brasil, o que indica uma queda (-5,1%) na comparação com 2015, quando tinham sido registrados 2.945.344 nascimentos. Foi a primeira queda desse número desde 2010, incluindo o total e as Grandes Regiões. Entre as unidades da Federação, apenas Roraima teve um pequeno contingente positivo.

Também foram registrados 1.095.535 casamentos civis em 2016 em todo o país, sendo 5.354 entre pessoas do mesmo sexo. Houve queda (-3,7%) em relação a 2015. A redução foi observada tanto nos casamentos entre cônjuges de sexos diferentes quanto para os cônjuges do mesmo sexo, com exceção das Regiões Sudeste e Centro-Oeste que apresentaram aumento nos casamentos civis entre pessoas do mesmo sexo.

Por outro lado, foram concedidos 344.526 divórcios em 1ª instância ou por escrituras extrajudiciais em 2016, um aumento de 4,7% em relação a 2015, quando foram concedidos 328.960 divórcios.

Veja aqui matéria completa do IBGE.

Blog Edgar Lisboa

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *