Inicial / Notícias / PTB Mulher presta homenagem às mulheres brasileiras

PTB Mulher presta homenagem às mulheres brasileiras

Print Friendly, PDF & Email

No encontro do PTB Mulher, no Hotel Nacional, em Brasília, parlamentares, lideranças estaduais e nacionais e a homenagem a Elaine Matozinhos Ribeiro Gonçalves, ex-delegada, ex-diretora-geral da Polícia Civil de Minas Gerais e uma das criadoras da Delegacia da Mulher, deputada estadual. Ela destacou que, ainda hoje, existem dificuldades para uma mulher de uma mulher ser atendidas nas delegacias onde, em alguns casos, a demora ultrapassa as quatro horas.

O presidente Nacional do PTB, Roberto Jefferson, destacou a importância da conquista das mulheres na política. Citou o trabalho de Ivete Vargas que deu um impulso à sigla após disputa-la com Leonel Brizola.

A reunião jantar do PTB Mulher, foi prestigiada por lideranças femininas de diversos estados Brasileiros, deputados e também pelo ex-ministro e ex-deputado federal, o líder trabalhista Ronaldo Nogueira, presidente da Fundação Nacional da Saúde (Funasa).

Na foto, Andréia Sessin, presidente do PTB Mulher de Santa Catarina, Tanise Sabino, presidente do PTB Mulher de Porto Alegre, Mari Deborto, dirigente do PTB Mulher, de Alvorada (RS) e Paula Vaz, dirigente do PTB Mulher, da Capital Gaúcha e a Secretária de Trabalho do Governo do Rio Grande do Sul, ex-deputada Regina Becker Fortunatti.

Regina Becker  disse que “é um momento de reflexão acima de tudo, e de fazer com que as mulheres do PTB elas se agreguem à questão política, que é um espaço importante que nós temos que reconquistar, que não é um espaço, infelizmente, destinado só aos homens, apesar de eles fazerem de tudo para se impor nessa questão”.

O deputado Maurício Dziedricki (PTB-RS), vice-presidente da Comissão de Trabalho, de Administração e de Serviço Público da Câmara dos Deputados, destacou o protagonismo conseguido em favor da igualdade, com a nova geração de mulheres, na política, trilhando o caminho aberto pelas mais antigas para discutir temas, antes difíceis de serem abordados pelas mulheres como: direitos trabalhistas, sexualidade, violência contra as mulheres, cárcere privado, direito de igualdade e estar livre de todas as formas de   descriminação, direito à liberdade de pensamento, entre outras.

Agência Digital News