19 de novembro de 2017
Inicial / Outras Notícias / Saúde ampliará rede de vacinação antirrábica
Saúde ampliará rede de vacinação antirrábica - Blog Edgar Lisboa. Foto: Gabriel Jabur/Agência Brasília

Saúde ampliará rede de vacinação antirrábica

Print Friendly, PDF & Email

Anúncio do processo de descentralização, com cadastro de clínicas privadas e instituições de ensino, foi feito pelo subsecretário de Vigilância em Saúde, Marcus Quito, nesta terça (3). Ideia é tornar a imunização de cães e gatos rotineira, e não concentrada apenas em três dias no ano

campanha de vacinação antirrábica em cães e gatos neste ano contará com parceria do governo com instituições de ensino superior e clínicas e hospitais veterinários particulares para distribuir a imunização.

criação de uma rede descentralizada de vacinação foi anunciada nesta terça-feira (3) pela Secretaria de Saúde, em entrevista coletiva com o subsecretário de Vigilância em Saúde, Marcus Quito.

A ideia é que o serviço seja oferecido de forma rotineira em mais locais, e não apenas concentrado em três dias no ano. Com isso, espera-se alcançar a meta de 80% de animais vacinados no território.

“Hoje, o Distrito Federal não alcança a estimativa estabelecida por causa da metodologia de vacinação concentrada”, avaliou Quito.

No atual modelo, dez unidades da Divisão de Vigilância Ambiental oferecem as doses de forma rotineira. No modelo descentralizado, serão mais 565 pontos de vacinação.

Descentralização da vacinação antirrábica ocorrerá em etapas

O processo de descentralização ocorrerá em três etapas, de outubro de 2017 até 2020.

  • 1ª etapa: de outubro de 2017 a abril de 2018
  • 2ª etapa: de maio de 2018 a maio de 2019
  • 3ª etapa: de junho de 2019 a maio de 2020

Na primeira fase, a expectativa é credenciar 100 clínicas e instituições de ensino. O cadastro será por meio de edital de chamamento público, a ser divulgado no Diário Oficial do DF.

Na segunda etapa, serão cadastradas mais 200 clínicas. Na terceira, 265 instituições. Assim, o número total chegará a 565 parceiros.

A aplicação da vacina será gratuita. “Para a iniciativa privada, a cooperação permitirá ampliar o público potencial”, disse Quito. A vacinação poderá ser agendada.

A fiscalização do serviço caberá à Secretaria de Saúde, com apoio do Conselho Regional de Medicina Veterinária e da sociedade civil. As unidades privadas credenciadas receberão certificado e logomarca para identificar a parceria.

Dias D da vacinação antirrábica

Neste ano e em 2018, ocorrerão dois dias de vacinação concentrada, os chamados Dias D.

Animais da área urbana serão vacinados em 25 de novembro, e os da área rural, em 2 de dezembro. A expectativa é que o Dia D não seja mais necessário a partir de 2019.

A meta de vacinação de cães no DF é de 246.735 aplicações. Já a de gatos, de 24.674.

Brasília tem 35 mil doses já disponíveis e 350 mil no Ministério da Saúde, aguardando solicitação da remessa.

alteração da estratégia não implica aumento de custos, esclareceu Quito. “Não consideramos isso um custo, porque já faz parte das nossas atividades. As vacinas já estão disponíveis, nós já temos as seringas. O que precisamos é fazer com que a vacina seja ofertada ao cidadão.”

Fonte: Agência Brasília