Inicial / Matérias Especiais / Secretário de governo dá um “choque de otimismo” nos empresários do Lide, diz Paulo Octávio
Paulo Octávio, com José Humberto, em almoço com empresários do Lide Brasília.

Secretário de governo dá um “choque de otimismo” nos empresários do Lide, diz Paulo Octávio

Print Friendly, PDF & Email

O secretário de Governo do Distrito Federal, José Humberto Pires de Araújo, foi o palestrante da reunião-almoço do  Lide Brasília, realizado nesta quarta-feira (11), na residência da empresária Laura Oliveira. O secretário apresentou os planos do governo Ibaneis Rocha e, detalhou os avanços alcançados pela administração do Distrito Federal, nestes 15 meses de governo. O destaque apresentado pelo secretário foi o Brasília Renovada, que o governador quer que comece logo. O presidente do Lide Brasília, empresário Paulo Octávio, afirmou que o balanço feito por José Humberto, foi  “um choque de otimismo”.

Secretário faz balanço do Governo de Brasília aos empresários

José Humberto iniciou a apresentação mostrando o trabalho realizado no ano passado com o SOS-DF Emergencial, plano que abrangeu áreas de segurança, educação, saúde e infraestrutura. “Graça a estas ações, o GDF reformou escolas, fez as delegacias funcionarem 24h e, realizou a revitalização do asfalto da cidade, entre outras ações”.

Projetos e Alvarás

O secretário disse que, agora, um dos compromissos do governo é agilizar a aprovação de projetos e alvarás, e facilitar a abertura de empresas, para que a economia do DF prospere novamente com geração de emprego e renda. “O governo criou ainda o Desenvolve-DF, que vai ampliar o acesso dos empresários a imóveis da Terracap por meio de arrendamento de terras, em vez de compra”, completou.

Militarização de Escolas

Na educação, o maior projeto do governo, acentuou  José Humberto, “é a militarização de escolas, que conta com a aprovação de 76% dos professores e alunos, segundo pesquisa do GDF”. Outra ação importante “é a construção de 400 novas salas de aulas, o que permitirá a crianças e adolescentes estudarem próximos de suas residências. Também acenou com a construção de mais 22 creches e 21 escolas”.  Lembrou que o lançamento do cartão-creche possibilitou a entrada de 5 mil crianças no sistema de ensino neste semestre, com a previsão de mais 5 mil crianças no próximo”.

Unidades de Saúde

José Humberto contou que o GDF está ativando 148 novos leitos de internação, e prevê a construção de 19 novas Unidades Básicas de Saúde (UPAs), com a contratação de equipes médicas para atender a população. Há também o projeto de três novos hospitais no DF, sendo um no Guará e um na Ceilândia. Na segurança, o secretário destacou a criação da Guarda Civil Distrital, com 2 mil vagas, que vai proteger monumentos e edificações públicas. Lembrou ainda que já houve a contratação de novos PMs e Bombeiros.

Paulo Octávio: “Governos bons são os que tem projetos”

Empresário Paulo Octávio. Foto: Edgar Lisboa

Na avaliação do empresário Paulo Octávio, presidente do LIDE-DF, a administração pública do Governo de Brasília com o governador Ibaneis Rocha, desenvolve na área de saúde, na área de educação, na área social, vários projetos. “Governos bons são os que tem projetos. O prazo do governo é muito curto. Em quatro anos é muito difícil fazer tantas coisas”, disse o empresário.

Projetos em desenvolvimento

O secretário de Governo do Distrito Federal, José Humberto Pires, mostrou que é possível fazer, e o governo já tem os projetos, como o do Hospital em Ceilândia, projeto de Recuperação de Escolas, o projeto de Habitação Popular. “São projetos em desenvolvimento e já prontos para iniciar”, comemorou Paulo Octávio.

Guarda Civil Distrital

Paulo Octávio citou também a criação da Guarda Civil Distrital, dos Restaurantes Comunitários, entre outros. “Hoje a gente sai daqui com uma sensação boa de ver que o secretário José Humberto que vem da iniciativa privada, um empresário importante do setor produtivo, e que coloca sua capacidade técnica de relacionamento e de trabalho em prol  do Governo.

Na foto, empresários do Lide. Ao centro, André Octávio Kubitschek, diretor do grupo PauloOctavio

O governador Ibaneis está de parabéns, pelo que foi apresentado aqui pelo secretário de governo, enfatizou o presidente do Lide Brasília. “Eu entendo que o que os empresários querem é isso; um governo que acredita que só o desenvolvimento pode apagar a chaga social nesse momento”.

Segundo Paulo Octávio, “não é momento de desânimo pelas dificuldades  que vivemos, pelas tantas crises políticas, crise de vírus, crise financeira. É o momento de reaquecer, é o momento de acreditar  que o Brasil é capaz, que a Capital da República é capaz, é o momento de continuar investindo, acreditando e desenvolvendo. É um momento importante para Brasília”, enfatiza o empresário.

Missão do LIDE

Perguntado sobre a presença de empresários, secretários de estado e Câmara Distrital na reunião, participando ativamente dos debates e questionamentos,  Paulo Octávio disse que “a função do Lide é justamente essa: buscar  interlocução entre a iniciativa privada, o governo, a sociedade civil organizada, e sindicatos. Nosso papel é esse”.

Compromisso Social

O Lide, explicou o presidente Paulo Octávio, “é um grupo de empresários que quer crescer, que tem um compromisso social, que tem um compromisso com a educação, que é a base do desenvolvimento”. O presidente do Lide destacou que “são empresários muito vinculados ao desenvolvimento de Brasília. Empresários que querem crescer, querem pagar impostos, querem gerar empregos. Reunimos empresa que são responsáveis por gerar mais de 100 mil postos de trabalho em Brasília, que tem essa missão também em São Paulo e nos Estados onde está instalado. O Lide é uma instituição sem fins lucrativos e que busca só essa harmonia, esse encontro de ideias em prol do desenvolvimento”, concluiu.

Cartão Alimentação

Durante as sugestões e questionamentos durante o almoço do Lide, o empresário Álvaro Júnior, presente no evento, sugeriu substituir o programa de restaurantes comunitário por um Cartão Alimentação. Na opinião do empresário, “seria uma forma de manter, de maneira subsidiada, o benefício”. Além disso, disse ele: “ajudaria as empresas, que venderiam as refeições”. O Secretário José Humberto,  fez uma rápida avaliação do impacto econômico e financeira sobre a proposta e disse que a sugestão será submetida ao governador.

Recuperação Asfáltica 

O secretário José Humberto aproveitou a solenidade para dizer que na semana passada foi discutida a questão aslfática de Brasília. “Nós discutimos na semana passada com a Novacap e com o DER uma nova metodologia para a recuperação asfáltica da nossa cidade”, afirmou o secretário. “Por determinação do governador nós temos que reduzir esse custo que nós temos de tapa buraco, nem sempre eficiente, para ir para uma outra lógica, a de recapear”.

Sem Tapa-buraco

O secretário de Administração explicou também que “a Novacap comprou um termômetro. A partir de agora será feita a medição do início da rua ao final dela. Quando houver requerimento para recuperação asfáltica, esse leitor será utilizado lá, e ele vai medir se aquela rua ela tem mais de 25% de necessidade de tapa-buraco ou necessidade de recapeamento. Isso é uma medida muito interessante, é a tecnologia a nosso serviço”. José Humberto falou também sobre a quantidade de dinheiro desperdiçado nessas operações de tapa-buracos. “Sabemos da quantidade do desperdício de dinheiro público, não porque o serviço não é feito, ele é feito. Mas a chuva vem e causa tudo de novo, e nós vamos lá tapar os buracos, e de três em três dias você está vendo que o tapa buraco não resolveu”.

Problemas nas feiras permanentes

A deputada federal Paula Belmonte (Cidadania/DF), disse que “tem visitado as feiras permanentes no Distrito Federal, e que está assustada com o que tem visto”. A parlamentar revelou que esteve no Gama, e viu que “existem 300 estandes fechados ha mais de três anos”. Chamou atenção também para o fato de que a feira não tem uma segurança adequada, “os banheiros estão sujos”.

A parlamentar denunciou que nas feiras do Distrito Federal tem exploração sexual de menores e prostituição. “Tem que olhar para as feiras, pois as feiras são o metro quadrado que mais gera emprego”. Aproveitou e já fez contato com os secretários do GDF que estiveram presentes na reunião do Lide. Ficou marcada reunião para a próxima semana para discutir o assunto.

Tirando a trava

Deputado Robério Negreiros

O deputado Distrital, Robério Negreiros (PSD-DF),  representando a Câmara Legislativa do Distrito Federal, disse considerar que: “A maior mazela hoje é a falta de geração de emprego e renda”.

O parlamentar afirmou que “é importante ter um governo que não seja inimigo do empreendedor e dos empregados, e que não atrapalha. Porque se ele não atrapalhar já está de grande valia. E o governador Ibaneis veio com esse propósito de inovação, de renovação; e está aos trancos e barrancos aí buscando; tirando a trava que tinha dos empresários, a burocracia, que às vezes a gente chama de burrocracia. E a ideia é essa”, argumenta Negreiros.

Caminhos para os investimentos

Para Negreiros, esses encontros do LIDE “são importantes para o Network, o case com pessoas do governo, para saber o que é que vai fazer”. Segundo ele: Às vezes o empresário quer investir numa determinada localidade, e quer saber se aquilo ali vai ter investimento em mobilidade. O quê que adianta você investir e não ter o transporte público para que o funcionário chegue?. E eu acho que isso aqui é muito interessante, eu acho que têm que ter até mais vezes”, diz.

O parlamentar Distrital finalizando seu fala com as seguintes palavras: “Parabenizo aí o presidente do meu partido, o PSD, que é o governador, o eterno governador Paulo Octávio, que é um grande empresário e investidor aqui do Distrito Federal”.

Investimentos na Saúde

Ao centro, o empresário Osório Adriano que defende a criação de um hospital de referência nacional

Participante ativo das reuniões do Lide Brasília, aos 90 anos, cobrou do secretário de Governo, José Humberto, a necessidade de um hospital de referência nacional em Brasília. Disse que, em 1958, trabalhando na Esplanada dos Ministérios, foi procurado por um empresário que pretendia construir um hospital em Brasília. Osório Adriano reforçou esse pedido e recebeu o apoio de Paulo Octávio.

Lideranças do setor produtivo

Comemorando a reunião dos empresários do Lide em sua residência, no lago Sul, a empresária Laura Oliveira, do Grupo Levvo, destacou a presença dos principais empresários do Distrito Federal. Citou e agradeceu a presença de Osório Adriano, Antonio Matias, Paulo Octávio e dois dos filhos, José Celso, entre outros. Disse a anfitriã: “Eu que tenho um pouco menos de idade, tento acompanhar, tento seguir seus passos e tentar manter uma boa união entre o Governo, a sociedade e os empresários, para que a gente possa transformar o Distrito Federal em um Distrito Federal, melhor ainda”.

Blog Edgar Lisboa