Coluna Repórter Brasília | | Edgar Lisboa
Inicial / Repórter Brasília / Coluna Repórter Brasília

Coluna Repórter Brasília

Print Friendly, PDF & Email

Sorria, você está sendo filmado
Funcionário gaúcho de carreira da Câmara Federal, antigo no Legislativo, informa à coluna que existem quatro câmeras externas nos prédios do Congresso Nacional, com abrangência de alguns quilômetros, e dezenas de circuitos internos de vigilância de vídeo em toda a Esplanada dos Ministérios. Portanto, verificando as datas que foram discutidas, até em plenário, o parlamentar poderá ter a certeza se o carro da ex-secretária da Receita Federal, Lina Vieira, esteve ou não na Casa Civil. Vale a penar conferir. Pelo que se sabe, as câmeras abrangem boa parte dos ministérios e também as entradas da Casa Civil.

Esse vídeo se autodestruirá em 10, 9…
As imagens de Lina Vieira na Casa Civil sumiram da mesma forma que as imagens de Marcelo Cavalcante na Ponte JK. Até hoje, as imagens de Marcelo não foram divulgadas, pois dizem que os vídeos não tem resolução o bastante. Duvido. As câmeras da Ponte JK foram reforçadas depois de um grande acidente, que teve repercussão nacional, em que o motorista causador da batida portava drogas. O acidente em cima da ponte matou um funcionário da Confederação Nacional da Indústria e levou o Governo do Distrito Federal a monitorar completamente o trânsito no local. Logo, cadê as imagens do Marcelo se jogando da ponte ou sendo jogado? Quem lembra daquela série de TV estadunidense “Missão Impossível”? Lembra que o protagonista recebia suas missões em um vídeo que se autodestruía em 10 segundos?

Marroni e o pré-sal
Um dos projetos que dispõe sobre a divisão de royalties do pré-sal foi apresentado pelo deputado petista Fernando Marroni. Ele dispõe sobre a política energética nacional; atividades relativas ao monopólio estatal do petróleo; gás natural e derivados; Conselho Nacional de Política Energética; Agência Nacional do Petróleo; transformação em empresa pública da sociedade de economia mista Petrobrás; e “destinação das receitas geradas pela atividade econômica para o combate às desigualdades sociais”.

Jobim e Aeroporto de Manaus
O deputado peemedebista amazonense Lupércio Ramos solicitou ao ministro da Defesa, gaúcho Nelson Jobim, informações sobre as providências que vêm sendo adotadas pela INFRAERO, acerca das obras de ampliação ou reforma do Aeroporto Internacional Eduardo Gomes, em Manaus, com vistas à realização dos jogos da Copa do Mundo 2014.

Grau livra Sarney
O ministro do Supremo Tribunal Federal, Eros Grau (foto), arquivou o mandado de segurança protocolado por sete senadores da República contra decisão da Mesa Diretora do Senado de rejeitar o pedido para que o plenário da Casa apreciasse denúncias contra o presidente, senador José Sarney (PMDB-AP). As denúncias contra Sarney foram rejeitadas pelo Conselho de Ética e, segundo os senadores que impetraram o mandado, o arquivamento vedaria a manifestação soberana do plenário, o que é inconstitucional. “É firme o entendimento deste Tribunal no sentido de que questões atinentes exclusivamente à interpretação e à aplicação dos regimentos das casas legislativas constituem matéria interna corporis, da alçada exclusiva da respectiva casa”, afirmou o magistrado gaúcho. Quem estava no caso antes de Grau, era o ministro Joaquim Barbosa, que encontra-se de licença-médica por 20 dias, desde o dia 10 de agosto. Óbvio ululante: Barbosa não livraria a cara de Sarney da exposição, assim como fez grau.

Curtas
– O senador Paulo Paim (PT) apresentou voto de pesar pelo falecimento ontem de Amélia de Oliveira Dutra, mãe do ex-governador Olívio Dutra, 88 anos, viúva de Cassiano Xavier Dutra. Dona Amélia, como era conhecida, morava em São Luiz Gonzaga.